top of page
  • Touring Racing

Ricardo Pereira e Rui Ribeiro dividem Pole Positions para as corridas de amanhã!

Ricardo Pereira e Rui Ribeiro foram os principais protagonistas das duas sessões de qualificação que tiveram lugar hoje no Circuito do Estoril.



Qualificação 1


Na primeira sessão, a armada Escort, liderou a tabela do Group 1 Portugal, na categoria H81-2000. Ricardo Pereira levou o seu Ford Escort RS2000 ao topo da tabela dos tempos. O piloto e preparador assinalou uma volta cem 2'04''483, rodando 0.5 segundos mais rápido que o segundo classificado, Rui Ribeiro. Paulo Vieira foi terceiro, na frente de Rui Azevedo. Bruno Lima e João Mira Gomes fecham a classificação desta categoria, todos em Ford Escort RS2000.


Entre os H81-MAX, André Castro Pinheiro, no seu belíssimo Jaguar XJS V12, dominou a categoria, seguido do Ford Capri MKIII V6 3.0 de António Fresco e Miguel Sardo no Porsche 924.



No que toca aos H81-1600, Manuel Cabral Menezes que superou Rafael Cerveira Pinto, ambos com um VW Golf GTI MKI, ficando Nuno Pardalejo a fechar a categoria, no seu VW Sirocco, que teve problemas de caixa no final da primeira parte da qualificação. Estes carros prometem duas corridas muito disputadas nesta categoria.


A completar a década de 81, na categoria H81-1300, Rui Moura levou o seu Toyota Starlet até ao limite, conseguindo rodar em 2'29''595.


Nos 1052, o mais veloz foi o Morris Cooper de Carlos Maciel que se superiorizou a Francisco Cardoso, com o Autobianchi A112 Abarth, que por falha no transponder não marcou qualquer tempo.


Nos H71-1600, o solitário BMW 1600Ti, de François Guerin, conseguiu um tempo de 2'15''822, tendo terminado a sua prestação prematuramente devido a problemas na embraiagem. Félix Ribeiro, com o seu charmoso Alfa Romeo GT1600 Júnior, na categoria H75-1600, conseguiu alcançar o tempo de 2'29''258 nesta primeira sessão de qualificação.


Nos Production Cup, nesta primeira sessão, a Pole foi conseguida por Alberto Xavier, que com uma volta "canhão" superou Fernando Ventura, Pedro Gordo, Luís Santa-Bárbara e Jorge Rodrigues. Ricardo Marcelino, Francisco Marrão, Vítor Sampaio e João Rodrigo Santos fecham a classificação dedicada aos Datsun 1200 ex-Troféu.



Para finalizar o Troféu Mini, Simon Knudsen foi o mais veloz ao longo dos 4km que compõe o traçado do município de Cascais. António Gago foi segundo, na frente de José Paradela e João Silva. Os 4 participantes estão separados por 1 segundo o que nos faz sonhar como serão as corridas de amanhã.



Qualificação 2


À semelhança da primeira sessão, os mais velozes à geral foram os H81-2000. Desta vez Rui Ribeiro conseguiu negociar as curvas do traçado do Estoril de forma mais rápida, superando Ricardo Pereira, Rui Azevedo, Bruno Lima e Nuno Afoito. Paulo Vieira teve um problema mecânico que o impossibilitou de participar nesta segunda sessão de qualificação. Todos estes em Ford Escort RS2000.



Em H81-MAX, a classificação foi uma impressão em papel químico da primeira sessão. O Jaguar XJS V12 de André Castro Pinheiro assinou a Pole Position, na frente do Ford Capri MKIII V6 3.0 de José Fresco, com o Porsche 924 de Diogo Cavaco que não conseguiu marcar nenhum tempo nesta segunda sessão.


Nos H81-1600, Manuel Mello Breyner foi o mais rápido, superando, com o seu VW Golf GTI MKI, Rafael Cerveira Pinto, com a mesma máquina. O VW Sirocco de Marcos Ruão não teve a oportunidade de marcar nenhum tempo, devido a problemas mecânicos resultantes da primeira sessão.


A contar para os H81-1300, Carlos Lourenço, no Morris Cooper, recebeu a bandeira de xadrez com o melhor tempo de 2'35''660.


O Alfa Romeo GT1600 Júnior conseguiu melhorar o seu tempo para 2'21''290, Félix Ribeiro terminou esta segunda sessão de qualificação visivelmente satisfeito com a sua performance. Já François Guerin, no BMW 1600 Ti, e Carlos Aniceto, no Morris Mini, não marcaram qualquer tempo devido a problemas mecânicos. Abel Marques, no Autobianchi A112 Abarth, novamente com problemas no transponder não marcou qualquer tempo.



Nos Production Cup, a Pole Position foi para Rúben Ferreira, o piloto do Datsun 1200 #590 superiorizou-se a Alberto Xavier por apenas 94 milésimas de segundo. No terceiro posto Paulo Cunha na frente de Manuel Matos, Ricardo Marcelino, Jorge Rodrigues, Francisco Marrão, Vasco Sampaio e João Rodrigo Santos que completaram a classificação da categoria.


No que toca ao Troféu Mini, João Silva foi o mais veloz, superando António Gago, Rafael Pereira e Rúben Veludo. Uma vez mais, os três primeiros separados por uma diferença abaixo de 1 segundo. O que comprova a igualdade técnica existente no troféu.



"Assistimos hoje a duas sessões de qualificação de alta competitividade, fazendo-nos antever que, amanhã, as corridas vão estar ao rubro! Confesso que estou ansioso por amanhã, para voltar a ouvir o rugir dos motores, pois passou demasiado tempo desde a última vez e as saudades já apertavam. Resta-me dar os parabéns a todos os pilotos e equipas pelo grande Fair Play dentro e fora de pista e desejar boa sorte para todos amanhã!"

- Francisco Pinto Abreu, CEO Touring Racing -

156 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page